Valorize o que você ainda pode chamar de seu…

A vida não é e nunca foi fácil pra ninguém. É como tem que ser, pra que se aprenda a dar valor pro que a gente tem. E o que não tem… Ah, disso a gente corre atrás.
Só não vale esquecer daqueles que te deram a mão, e que te amaram, cada um com seu jeito peculiar, mas amaram, sim. Foi de coração.
A vida não mente, não. Quem engana é quem a vive. E a mentira vem de quem não tem capacidade de ser livre, pois a verdade liberta.
Tanta gente que passa pela vida e se vai sem nunca ter aprendido a ser livre, pois sempre se viram prisioneiros de si mesmos. Não aprenderam a amar.
Buscamos, durante quase uma vida, por alguém que nos faça sentir algo único e duradouro.
Pois o certo do amor não é estar com alguém que faça com que nos sintamos presos, mas, sim, alguém que faça com que nos sintamos livres.
A liberdade de amar e de dizer a verdade parece tão simples, mas são tão poucos os que a compreendem.
Hoje em dia as pessoas são escravas da banalização.
Banalizam o amor, a felicidade, a tristeza, enfim…
Mal sabe-se hoje quando o amor é original, quando a felicidade é sincera, quando a tristeza é mesmo triste. Na verdade, hoje em dia, mal sabe-se viver.
E é mesmo triste ter de admitir isto – originalmente triste.
Apenas vemos a desconfiança crescida, a bonança vencida, a crueldade – praticamente – falante.
Não quero que as boas coisas da vida sejam apenas lembranças que eu tenha que guardar na estante.
A vida não é assim. Eu sou o que eu quiser fazer de mim. Nisso eu sempre acreditei.
E antes de mudar qualquer coisa, preciso mudar a mim para melhor.
Como já dizia Dalai Lama “Seja a mudança que você quer ver no mundo.”
E enquanto eu faço a minha parte, peço que você faça a sua também.
Dê valor a quem te ama, ao lugar onde você vive que não é só a sua casa, é o seu espaço, é o chão que você pisa, o mundo que você habita.
Cada um fazendo a sua parte, já é um grande passo para as coisas darem certo.
Ter fé na melhoria não significa nada se não tivermos também a capacidade de lutar por aquilo em que acreditamos e queremos bem.
Saiba que antes de mudar ou concordar que é preciso mudar qualquer coisa, é preciso ter consciência do que se quer para si e para o mundo.

“Quando a gente muda, o mundo muda com a gente e agente muda o mundo com a mudança da mente. Na mudança de atitude não há mau que não se mude nem doença sem cura. Na mudança de atitude a gente fica mais seguro. Na mudança do presente a gente molda o futuro…”
Gabriel, o pensador

“Não há progresso sem mudança. E, quem não consegue mudar a si mesmo, acaba não mudando coisa alguma.”
George Bernard Shaw

Uma resposta para “Valorize o que você ainda pode chamar de seu…

  1. Nanda….ficou perfeito!!!!!serio mesmo…ficou mto tri…eu adorei…pior q eh a verdade…
    toda essa banalizaçao..d td…da vida…eh por isso q o mundo cada vez pior…
    deveria haver + pessoas assim como vc^^
    *—*
    fica com o god^^
    adorei mesmo…serio
    bjs^^

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Calendário

janeiro 2011
S T Q Q S S D
« dez   mar »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Meu Twitter #}~

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

%d blogueiros gostam disto: